Essa de Queiroz…

2 comentários

Não é necessário explicar quem é o Queiroz.

Queiroz foi preso hoje de manhã numa casa cujo proprietário é o advogado do seu ex-empregador e do pai deste. Traduzindo: o imóvel que escondia Queiroz é do advogado de Flávio Bolsonaro e seu pai, Jair. O advogado do Presidente da República e de um Senador, filho do Presidente, escondia um fugitivo da polícia.

Integrantes do governo federal reagiram com declarações curtas e diretas:

O Presidente: e daí?

O Ministro do Meio Ambiente: é uma oportunidade para passar a boiada.

A Ministra dos Direitos Humanos: na goiabeira, de azul.

O Deputado filho do Presidente: só precisou de um cabo e um soldado.

O Ministro da Economia: o cara virou um parasita e não foi pra Disney.

O Ministro da Educação: eu, por mim, botava esse vagabundo na cadeia.

O Ministro interino permanente da saúde: foi preso no inverno do hemisfério norte.

O Ministro das Relações Exteriores: o aumento das queimadas na Amazônia, neste ano, é uma falsa crise perpetuada pela ideologia da esquerda que acabou criando um climatismo, porque a esquerda ainda não tinha conhecimento do coronavírus, a saber, o  comunavírus que aparece como uma chance para acelerar o projeto globalista, incrementar a globalização econômica que passou a ser pilotada pelo marxismo cultural, o mesmo que insufla esse feminismo que rebaixa a mulher a um ponto de subserviência e desempoderamento jamais visto.

O Ministro Chefe do Gabinete de Segurança Institucional: é uma evidente tentativa de comprometer a harmonia entre os Poderes e poderá ter consequências terríveis.

O Ministro da Secretaria de Governo: agora, tem que entender uma coisa, não estica a corda!

O Vereador filho do Presidente: alicate escancara os planos que tinha com as antas, grupelhos escorregadios claramente alinhados com os blogs da isentucanosfera e tvs ficam o dia todo plantando discórdias e suposições propositais para desgatar o presidente sem ouvir sua palavra final.

O Ministro da Educação de novo, ao saber que o vagabundo é um antigo aliado: mas que balbúrdia!

O Assessor Especial da Presidência: graças à liderança do Presidente da República o Brasil foi o país menos impactado pela queda no comércio internacional no primeiro quadrimestre, de janeiro a março de 2020.

O Ministro da Cidadania: eu fui ler o Mito da Caverna, que é um dos diálogos de Platão que eu tinha lido aos 14 anos pela primeira vez e já li umas vinte vezes e até hoje não consigo entender, continuei sem entender.

O ex-Ministro da Educação, acenando: já falei que não admito esse negócio de povos isso, povos aquilo, é tudo brasileiro, então chega disso de cota para negro, índio e tal. Pronto, assinei. Fui!

A ex-Secretária de Cultura: não era mais leve quando a gente cantava Pra Frente, Brasil?

O Queiróz: agora é que vai vir aquela pica do tamanho de um cometa.

O eleitor: mito!

O Presidente, de novo: acabou, porra!

 

2 comentários em “Essa de Queiroz…”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s